Google+ Followers

quinta-feira, junho 23, 2011

Escapa sempre por tão pouco...

Mas antes de apagar a luz não resisti a abrir a pequena pasta verde com as cartas dela, para reler as duas que dali escrevera enquanto percorria a ilha no seu pequeno carro. Havia nelas coisas boas, coisas que tocavam...« Nunca esqueço a maneira como pronuncias a palavra "Impossível !"Mas, meu querido Larry, o impossível tem estado sempre, por pouco ao alcance do homem: felicidade, justiça, amor. Sentimo-lo tão fortemente entre estes vestígios gastos! Escapa sempre por tão pouco...Oh, porque há-de o homem estender a mão para comer a maçã, em vez de esperar por Eva?» Sim, porquê? « O universo tem sempre o lado bom para cima, nós é que não sabemos.»

(Lawrence Durrell - Carrocel Siciliano)

2 comentários:

Não são permitidos comentários anónimos