Google+ Followers

sábado, julho 05, 2008

ELA (Rosa Passos) valeu a pena!




Rosa, que cresceu em Salvador da Baía, recorda como marco à sua sensibilização pela Bossa Nova "Black Orpheus" que aqui também se evoca.
O concerto que pude ouvir constituiu uma dupla homenagem aos 50 anos da Bossa Nova e a Elis Regina.




Hoje, a sua música combina a Bossa Nova com os ritmos dissonantes do Jazz conseguindo uma harmonia inteligente e enternecedora. A sua voz percorre uma paleta de sonoridades, das mais suaves e sensuais às mais potentes. Uma encantadora surpresa! Falta só acrescentar que Rosa Passos foi me dada a conhecer pelo meu mano que também, do outro lado lado do mar, se encontra sempre próximo das suas origens- " A minha pátria é a língua portuguesa". Para ti, daqui, um grande beijinho.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Não são permitidos comentários anónimos