Google+ Followers

sábado, janeiro 09, 2010

Évora, uma pequena "amostra"-VII- pelo Alentejo...


                               (Aguarelas de Turner)


(Aguarelas de Turner)                            

                                                        (Aguarelas de Turner)
   Cada lugar tem mil e uma facetas de uma imensa diversidade. Não deixamos contudo de criar para cada um deles uma imagem-símbolo que se torna uma espécie de logotipo. Quando dizemos Alentejo evocamos, de imediato, a planície alentejana no seu pleno dourado do pino do Verão. Quando dizemos Minho evocamos a frescura dos verdes que nos fazem sonhar  um recanto para nos refazermos das agruras do sol. Quando dizemos Algarve raramente nos lembramos da serra algarvia e, mesmo resistindo aos esteriótipos, vemos  esse oceano azul que nos acompanha pelo caminho. Mas hoje, aqui, este Alentejo é de uma verdura imensa que apazigua a "alma" e apetece poder perpetuar. 
Tal como em relação às gentes, vale bem a pena desvendar as mil faces de cada lugar.

                                       

2 comentários:

Não são permitidos comentários anónimos