Google+ Followers

quinta-feira, janeiro 24, 2008

"AGUARELAS" EM FESTA- um ano depois


(Aguarelas de Turner) colagem sobre um quadro de Claude Monet
Nós, querido Simão, achamos que o tempo voa, que aquele malandro (sim, o tempo...) não nos dá tempo para tudo o que sonhamos. Devo dizer-te, em segredo, que a maior parte das vezes, nós, andamos para aqui entretidos a olhar para o que não fizémos, o que correu mal ou assim-assim, para o que gostaríamos de ter feito diferente, e, burros de todo, desaproveitamos cada instante, cada fracção de tempo, esquecendo-nos de celebrar a Vida. Sabes uma coisa Simão? Ela, a vida, tem todas as cores do arco-iris, e nela sopram o vento norte, o Suão, os alíseos , os ventos benfazejos de oeste...às vezes, também, o ciroco que vem lá do deserto...e ainda, aquelas maravilhosas brisas vindas do mar...Tudo irás encontrar, meu querido, no teu caminho . Mas voltando atrás, sim, ao tempo, esse bicho esquisito com que jogamos às escondidas. Tu nestes trezentos e sessenta e cinco dias brincaste com ele da melhor das maneiras, aproveitaste-o em pleno, escorregaste por ele abaixo, puxaste-lhe as orelhas, deixaste-te balançar na sua ondulação, adormeceste nos seus braços, eu sei lá...as tropelias que lhe fizeste. Mas é mesmo assim Simão. Foi dessa maneira que daquele pequenino que eu olhei através do vidro, quase temerosa que o meu olhar te despertasse, te tornaste este maravilhoso menino cheio de vida e alegria. Estamos todos de parabéns e, em especial, os teus pais que te têm dado o melhor do melhor que têm. Continua assim a ouvir o tempo como um pequenino relógio que pulsa, com o bater do coração, onde há, em cada segundo, lugar para saborear, para nos encantarmos, para descobrirmos, para vivermos.

9 comentários:

  1. Um texto lindo, para um menino lindo!
    Muitos e muitos parabéns.
    Oq ue lá está dito é que é importante.

    ResponderEliminar
  2. aqui, do outro lado do mar, ainda é dia 23. mas já estou a postos, comemorando com você.
    que venham muitos outros anos.

    um beijo grande, daqui, onde é verão.

    ResponderEliminar
  3. Um belo texto, uma excelente imagem e um grande amor plasmado nas palavras.
    Enternecedor!
    Muitos parabéns ao Simão e aos papás.
    Rodeado deste carinho, vai crescer feliz!

    ResponderEliminar
  4. olha... estou a chorar... que diabo, puxaste-me pelas lágrimas,ou foi a emoção de estar a olhar para aqueles olhinhos vivos!

    ResponderEliminar
  5. Tem sorte esse menino... com o tempo e com uma avó assim. :)

    ResponderEliminar
  6. O que é belo transborda pela bôca,
    é um ditado alemão, para falar do que gostei. Linda mensagem.

    bjs.

    ju gioli

    ResponderEliminar
  7. Um grande obrigada a todos vocês! Vai daqui um grande beijo!

    ResponderEliminar
  8. Palavras lindas para um neto lindo.

    Os meus parabéns!
    Bj.

    ResponderEliminar

Não são permitidos comentários anónimos