Google+ Followers

quarta-feira, março 05, 2008

Amo el amor que se reparte en besos, lecho y pan...


(Lawrence Alma Tadema)

Amo el amor que se reparte
en besos, lecho y pan.

Amor que puede ser eterno
y puede ser fugaz.

Amor que quiere libertarse
para volver a amar.

Amor divinizado que se acerca.
Amor divinizado que se va.

(Pablo Neruda- Crepusculario)

3 comentários:

  1. "Alma Tadena"
    um grande presente para nós mulheres, e só quem conhece Arte, tem refêrencia dessa beleza.
    Parabéns pelas escolhas, poema e imagem, lindos...sempre para anotar no diário.

    bjs.


    Ju gioli

    ResponderEliminar
  2. Neruda conhece como poucos o sentir escondido da pessoa ... que vive!

    ResponderEliminar

Não são permitidos comentários anónimos