Google+ Followers

terça-feira, setembro 26, 2006

Soltar os cavalos do espanto...

( Ron Mueck)



Resistir



Dobrar na boca o frio da espora

Calcar o passo sobre lume

Abrir o pão a golpes de machado

Soltar pelo flanco os cavalos do espanto

Fazer do corpo um barco e navegar a pedra

Regressar devagar ao corpo morno

Beber um outro vinho pisado por um astro

Possuir o fogo ruivo sob a própria casa

numa chama de flechas ao redor.

(Joaquim Pessoa)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Não são permitidos comentários anónimos