Google+ Followers

sexta-feira, setembro 04, 2015

Relembrando o já publicado...( pelo momento de drama e dor...e insensibilidade absolutas)





     (Escher)
XV Uma civilização de compartimentos estanques
(...)
Oscar Wilde escreveu em qualquer parte que o pior crime é a falta de imaginação: o ser humano não se compadece com os males que não experimenta directamente ou a que não assiste. Pensei muitas vezes que as carruagens blindadas e os muros bem construídos dos campos de concentração asseguraram a extensão e a duração dos crimes contra a humanidade, que teriam acabado bem mais cedo se tivessem sido efectuados ao ar livre e à vista de todos. O hábito, nas praças públicas da Idade Média e do Grande Século, entorpecia talvez certos espectadores; mas sempre restavam alguns para se comoverem, ou até para protestar, e o seu murmúrio acabou por ser ouvido. Os executantes de tais obras hoje em dia são mais cuidadosos nas suas precauções.(...)
(Marguerite Yourcenar-1972-O Tempo esse grande escultor)

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Nunca se construiram tantos muros
    não para impedir a saída
    mas para impedir a entrada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O egoísmo, tentativa última de sobrevivência, acaba por se desmoronar sobre os próprios.

      Eliminar

Não são permitidos comentários anónimos