Google+ Followers

quarta-feira, março 20, 2013

Abro mão da primavera...

(Foto de Addiragram. Delfos)
Quero apenas cinco coisas..
Primeiro é o amor sem fim
A segunda é ver o outono
A terceira é o grave inverno
Em quarto lugar o verão
A quinta coisa são teus olhos
Não quero dormir sem teus olhos.
Não quero ser... sem que me olhes.
Abro mão da primavera para que continues me olhando.

Pablo Neruda

3 comentários:

  1. Muito bonita a tua página, o poema e a fotografia. Parabéns por esta. Bj

    ResponderEliminar
  2. Só assim se pode confessar que se viveu.

    Abraço

    ResponderEliminar

Não são permitidos comentários anónimos