Google+ Followers

sábado, junho 30, 2012

Fizeste com que eu...desse pelo toque de vésperas...

    (Millet)

Os sinos tocaram como se os sinos 
ainda tocassem para anunciar as matinas
e vésperas. Quem os ouve já não ouve sequer
os sinos tocarem, e perdeu a memória do tempo
em que os sinos tocavam, e o tempo dos homens 
era conduzido pelo  toque dos sinos
que já ninguém ouve, atravessaste a rua e
fizeste com que eu, sem ouvir os sinos,
desse pelo toque de vésperas que soou
na minha cabeça, e me fez esperar que
as pessoas, ao longo da rua, parassem como
os lavradores do quadro de millet. E a rua
transformou-se num imenso campo; as searas
ocuparam o alcatrão; e os prédios foram como 
as colinas verdejantes do fundo. Então,
voltaste-te para mim, do outro lado da rua, quando
os sinos deixaram de tocar, e
eu esqueci-me do tempo em que
o tempo era contado pelos sinos para
continuar o meu caminho, levando comigo
a tua imagem de camponesa no angelus
de millet.


(Nuno Júdice- Fórmulas de uma luz inexplicável)

1 comentário:

Não são permitidos comentários anónimos